comparticipações

este texto do pinoka recorda-me uma situação com que convivo diariamente.
como alguns saberão sou "cliente da bronquite asmática" e utilizador de um bronco dilatador, vulgo "bombinha da asma". como em tudo na vida existem várias marcas e cada uma dessas marcas tem uma "legião de fans".
eu sou assumidamente "fan" da berotec, dos laboratórios boehringer ingelheim que há cerca de três anos decidiram descontinuar a dita cuja "bombinha" por questões "comerciais".
acontece que nós asmáticos temos uma vivência psicológica, quase supersticiosa, da doença e se nos damos bem com determinado medicamento é com esse e mais nenhum.
o laboratório retirou a berotec do mercado com excepção da bélgica e do brasil.
como devem imaginar tenho um carregamento de berotecs em casa que vou partilhando, gratuitamente, com alguns "colegas do clube de fans da berotec", todos eles reformados idosos que de um dia para o outro se viram privados do alívio que a berotec representa.
cada uma custa no brasil cerca de 5 €, sensivelmente metade do que custava em portugal e eu comparticipo integralmente os custos, como já anteriormente acontecia.
não me queixo nem estou a pedir comparticipações ao estado, apenas me dá um certo gozo funcionar com "extensão da caixa".

Comentários

Sugestão de leitura
http://avarinhamagicadevalentimloureiro.blogspot.com/
,,,,, disse…
Não se pode ser (estar), doente neste mundo de oportuni(stas)dades.
Os números são as palavras mágicas dos governantes? Ai sim governam-se a vontade com ou sem doenças infecto-contagiosas para meter a mão aos euros contaminados do povo.

Mensagens populares