análise: os guarda-redes

segundo o meu conceito do que deverá ser um guarda-redes de verdadeira dimensão internacional, chego à conclusão que portugal não tem um jogador nesta posição que reúna as condições de poder ser considerado como tal.
tenho para mim que para lá das condições físicas necessárias, a componente técnica é determinante para o desenvolvimento de um guarda-redes.
não conheço nenhum guarda-redes de dimensão mundial que tenha menos de 1,80/1,85 de altura o que mesmo assim não é muito usual porque quase todos os atletas que alinham nesse posto específico, e que possam ser considerados de nível internacional, medem por volta do 1,90/1,95.
quem são para mim os guarda-redes de verdadeira dimensão internacional?
petr cech, bufon, van der saar, reyna, casillas e julio cesar. a estes devem juntar-se a grande maioria dos guarda-redes provenientes das grandes "escolas" mundiais: leste da europa (russia, polónia e república checa), norte da europa (dinamarca, alemanha, holanda e grã-bretanha), sul da europa (espanha e itália), américa do sul (argentina). áfrica é também um continente que deu enormes guarda-redes, como por exemplo thomas n´kono dos camarões, mas que revela ainda alguma ingenuidade que a seu tempo será colmatada.
cada uma destas escolas é diferente entre si, nomeadamente no "estilo" e na abordagem ao treino e ao jogo, contudo, todos possuem um ponto em comum: a sobriedade e eficiência.
um guarda-redes de dimensão internacional aborda os lances de uma forma fria e calculista:
- colocação entre os postes, denotando enorme sobriedade parecendo que as bolas vão todas ter com ele, tanto quanto sei apenas os pássaros conseguem voar e nunca vi um pombo ou uma gaivota com luvas calçadas;
- segurança, devido a essa mesma colocação não deixa escapar tantas bolas por não ter necessidade de efectuar tantos "voos" e como recurso afastar as bolas da sua baliza de forma descuidada;
- jogo com os pés, denotando enorme apetência para dessa forma poder jogar fora da baliza e exibir dotes acima da média na colocação das bolas nas zonas mais ofensivas;
- saída da baliza, no que ao encurtar os ângulos quando os avançados se aproximam fazendo com que a "baliza" pareça mais "pequena" a quem tenta marcar;
- sair aos cruzamentos, não se limitando a esperar pela bola "debaixo dos postes" mas indo atacar a bola quando esta é cruzada para zonas que se podem estender à marca de penalti e não se atemorizando nos pontapés de canto;
- voz de comando, porque uma vez que está de frente para o jogo deve dar sempre indicações aos seus colegas sobre a forma como os adversários se movimentam.
- equilíbrio emocional, de resto esta é uma regra que se aplica a todos os futebolistas. não adianta ter talento se não se tiver "tento".
naturalmente que existem outros "truques" e trabalho técnico que deve ser observado como a forma de cair, a reposição manual da bola em jogo, a intimidação aos adversários, porque um guarda-redes que nos primeiros minutos demonstre capacidade para sair da baliza nos cruzamentos inibe de imediato os adversários de utilizarem esse recurso.
apenas com estes atributos, muitos mais existem, logo se pode verificar que em portugal não existe nenhum guarda-redes com estas características.
quim, ricardo, patrício, eduardo e beto que me desculpem mas não acho que possuam efectiva classe internacional, são guarda-redes de bom nível, elevado mesmo, mas não conseguem fazer a diferença de forma constante e inequívoca.
sem dogmas clubísticos, pensei que moreira poderia ser o "tal", mas a lesão que o afectou retirou-lhe essa possibilidade. contudo existe um guarda-redes português que poderá lá chegar e um outro que tinha tudo menos equilíbrio emocional.
este último é o carlos, que actualmente joga no irão, e que passou no boavista e no steaua de bucareste. tinha tudo aquilo a que me referi anteriormente menos o tal "equilíbrio emocional". um predestinado como nunca vi em portugal e sei do que falo porque o treinei quando jogava no amora...
mas tal como disse, existe um guarda-redes português que poderá reunir todos estes atributos: daniel fernandes.
já foi chamado à selecção principal mas nunca teve uma oportunidade, o que não será de admirar já que, não sendo preciso ter sido o melhor do mundo para se ser treinador, convém já ter feito para poder ensinar. se um treinador de guarda-redes, enquanto jogador, nunca soube sair aos cruzamentos, não possuía condições físicas dentro dos parâmetros mínimos e mesmo sendo excelente dentro dos postes, fora deles não fazia a diferença, dificilmente poderá ensinar aos outros.
naturalmente que esta é a minha opinião e vale o que vale, outras serão tão válidas, ou mais, como esta.

Comentários

R. Cruz disse…
Vejo todos os sábados um resumo generoso da jornada do campeonato alemão na ARD e como tal acompanho as actuações na bundesliga dos jogadores portugueses (Daniel Fernandes, Petit, Hugo Almeida, André Pinto, Ricardo Costa)e de alguns estrangeiros que já jogaram em Portugal e devo dizer-lhe que dessa observação não tenho nada a ideia que o Daniel Fernandes seja assim tão bom, bem pelo contrário, tem tido algumas fífias comprometedoras e não é seguramente um dos pontos fortes do Bochum. De tal maneira que ao vê-lo actuar já me interroguei algumas vezes sobre o que é que levava aquele guarda-redes a ser convocado para a selecção. Só se fôr pela altura...
,,,,, disse…
o Zé é porque não Moreira!

O baia também não teve lesões iguais, no entanto?

era o guarda-redes das selecções jovens!Não e verdade ?
O porquê de não uma oportunidade a este miúdo! Que tem qualidades fantásticas para o futebol!
Gostei muito de o ver no jogo conta o AVES! Boas defesas!
MERECE SIM, UMA OPORTUNIDADE!
Eu voto MOREIRA




P.S. o EDUARDO também parece ,mas ,mas ,atênção a falta de contacto de selecção ...
Anónimo disse…
Que chatice o Higuita não se enquadrar nos seus parâmetros!
Principalmente a parte emocional.
Mas que era uma maravilha vê-lo jogar, era.
Mas também não é grave.
Trabalhar cansa.
Falar é fácil.
JB
e o hilario?? apesar de jogar pouco?
Anónimo disse…
Esse tal Daniel Fernandes esta época até é suplente do Bochum, uma das equipas mais fracas do campeonato alemão. Guarda redes a fugir para o fracote, como é que V. acha esse um bom guarda redes?!...

Mensagens populares